domingo 23 Abr 2017

Voluntários da BRF incentivam o hábito da leitura

Evento nacional promovido pelo Instituto BRF beneficiou 5 mil pessoas com incentivo à leitura, organização de bibliotecas e reforma de escolas

voluntarios_revistabrfonline_ed94

A segunda edição da Ação Voluntários BRF foi um sucesso. Com foco em educação, o evento ocorreu no fim de maio, em 26 municípios, e mobilizou 600 voluntários, além de parceiros e investidores locais que ajudaram a promover pequenas reformas em  escolas, organizar bibliotecas e incentivar a leitura. Cerca de 5 mil pessoas foram beneficiadas em todas as regiões em que o Instituto BRF atua.

Gerida por freiras em um bairro de risco socioambiental, a creche Santa Terezinha, em Bom Conselho (PE), ganhou um cantinho de leitura para crianças de 1 a 6 anos. Agora, brinquedos e DVDs educativos dividem espaço com torres de livros classificados por idade. É um espaço lúdico, com estímulos que vão além das atividades pedagógicas de rotina.

O município de Dourados (MS) também ganhou um lugar voltado para a leitura, no Centro de Integração ao Adolescente Dom Alberto. Já na Escola Pública de Ensino Fundamental Almerinda Chavez, em Jundiaí (SP), foi organizada uma biblioteca. Moradores do bairro receberam os voluntários para atividades de incentivo à leitura, como narração de histórias e trocas de livros. O mesmo ocorreu em Ponta Grossa (PR), onde também houve uma oficina de profissões.

Na cidade de Herval D’Oeste (SC), a Ação Global de Educação, no Ginásio de Esportes Perdiguito, atraiu 250 crianças para, entre outras atividades, ouvir histórias. O próximo passo é distribuir os livros arrecadados entre as escolas municipais e estaduais participantes.

“Nesta segunda edição da Ação Voluntários BRF, observamos um engajamento ainda maior”, diz Luciana Lanzoni, diretora do Instituto BRF. “A maior preocupação era promover ações transformadoras e que tivessem continuidade. Foi fundamental o trabalho dos Comitês de Investimento Social, ao mapear de um jeito eficiente as prioridades de cada região e integrar ao projeto parceiros, investidores e comunidade.”

DEPOIMENTOS

“Não há satisfação maior do que ver a alegria e a felicidade estampadas no rosto de uma pessoa. Por isso, quando me perguntam o que fiz no dia do evento, respondo: fiz várias crianças felizes!” Kelly Cristina Gaiofatto, voluntária e multiplicadora do Voluntários BRF de Dourados Dourados (MS)

“A integração entre funcionários e parceiros locais foi essencial para o sucesso das ações. Seguiremos com o objetivo de aperfeiçoar cada vez mais a condição social das comunidades que  vivem no entorno da unidade.” Silvana Mendieta Benites, voluntária e coordenadora do Comitê de Dourados Dourados (MS)

“Foi muito gratificante ver que conseguimos alcançar nosso objetivo de incentivar as crianças a ler e a sentir a magia das histórias, compartilhando com os colegas e transcrevendo em desenhos tudo que ouviram.” Liliane Sobrinho, multiplicadora do Voluntários BRF de Herval D’Oeste Herval D’Oeste (SC)

“A criação do cantinho da leitura foi uma ação muito especial. Ver no olhar daquelas crianças, moradoras de uma comunidade tão carente, a alegria em ouvir histórias e folhear  livros nos dá a sensação de dever cumprido.” Solange Matos, voluntária e coordenadora do Comitê de Bom Conselho Bom Conselho (PE)

“Estamos empolgados com o desenvolvimento do trabalho realizado na escola Almerinda Chaves, em Jundiaí. A biblioteca local estava em desuso e, por esse motivo, encontramos muito trabalho pela frente. Com as prateleiras organizadas, conseguiremos promover e incentivar a leitura entre os alunos. Ainda não concluímos todo o trabalho. E, estamos ansiosos para finalizá-lo. Depois, quem sabe, iniciar um projeto de gestão de acervo.” Bruno Silva, voluntário, e Mônica Cabrini, voluntária e coordenadora do Comitê de Jundiaí (SP)

Comentários estão fechados.

Slider by webdesign